Casa Hotel: mais do que uma tendência, uma evolução no jeito de morar

Com menos tempo e mais consciência, brasileiros preferem espaços mais simples, personalizados e funcionais.

O estilo de vida do brasileiro está em plena transformação. Com menos tempo em casa e mais consciência, as pessoas estão reavaliando seus valores, formas de consumo e reorganização do espaço. Dessa forma, a vida em casa está se tornando semelhante a vida em hotel, onde os ambientes são mais simples e funcionais e as experiências e o bem-estar são prioridade.

Casa Hotel © Katalin Stammer | Arquitetura e Design

Versatilidade: 

A arquiteta Katalin Stammer conta que a procura por móveis multifuncionais, que diversifiquem a composição do ambiente, está cada vez maior. As mesas dobráveis são exemplos de peças que ajudam a aproveitar melhor o espaço. “Por muito tempo o brasileiro cresceu e morou em casas e, agora, passou a viver em locais menores, com menos espaço e quintal. Com o tempo escasso precisa que tudo seja facilitado dentro do lar”.

Casa Hotel © Katalin Stammer | Arquitetura e Design
Casa Hotel © Katalin Stammer | Arquitetura e Design

As portas complanares (de correr) e móveis basculares contam com ferragens acopladas que permitem dividir e aproveitar melhor os ambientes. Além disso, os móveis também podem ganhar mais tipos de uso.

Ressignificação dos Cômodos:

Além das multifuncionalidades, os espaços dentro das residências estão sendo ressignificados. Antes era muito comum ter atividades específicas para serem feitas em cada cômodo. A sala de estar era destinada exclusivamente para receber visitas, a sala de jantar para fazer as refeições e cozinha para preparar cafés, almoços e jantares.

“Hoje não existe mais protocolos sociais para cumprir dentro de uma casa, cada um monta como acha melhor. Se você precisa que mude a composição do ambiente para que funcione bem pra você, um sofá cama ao invés de uma cama, é isso que você fará”, explica a arquiteta.

Agora, na cozinha por exemplo, é comum que as pessoas utilizem a mesa para também criar um espaço de estudo e trabalho. Em contrapartida, há pessoas que aproveitam para fazer as refeições na sala enquanto assistem TV ou leem um livro.

 

 

Durabilidade:

Peças que exigem menos trabalho com a manutenção são mais procuradas. Os sofás de couro, por exemplo, são mais resistentes, duram mais tempo, o que também representa menos gastos.

“A preferência, portanto, na compra está direcionada a tudo que traga mais praticidade, funcionalidade, dentro da rotina de cada um. Com isso, sobra mais tempo para descansar e aproveitar o aconchego do seu lar, como se estivesse num hotel”, conclui Katalin.

Casa Hotel © Katalin Stammer | Arquitetura e Design
Casa Hotel © Katalin Stammer | Arquitetura e Design
© Katalin Stammer | Arquitetura e Design

 Por © Katalin Stammer | Arquitetura e Design

A Importância do Isolamento Acústico no Escritório

Isolamento Acústico - Se é verdade que menos ruído no escritório corresponde a uma maior produtividade, então cada espaço de trabalho deve estar equipado com as medidas certas de insonorização. Especialmente se você trabalha em espaço aberto e em lugares onde o ruído...

A importância das Divisórias com isolamento acústico

Para haver o sigilo necessário para as organizações e ambientes corporativos, também a qualidade sonora dentro do ambiente laboral, que deve ser mantido em um nível adequado para sua equipe. As divisórias piso teto acústicas são a resposta adequada para solucionar a...

WhatsApp chat